sábado, 6 de agosto de 2011

Meu Luquinha

O amor não conta cromossomos ;-)

8 comentários:

  1. Amiga... Ele é muito lindooooooooooooooo, parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Amor demais, meu Deus! Te amo, meu sobrinho!

    ResponderExcluir
  3. Van, concordo com você que o amor não conta cromossomos, como você sabe da minha história estou até hoje tentando ser mãe e mais uma vez perdi uma gestação em 19 de fevereiro de 2011, com esta se soma a 3ª gravidez que não segue adiante.

    Independente de Lucas ser especial, que aliás para mim ele é muito especial só ter te escolhido como mãe é tudo de bom.

    Adorei este seu blog.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns!!!
    feliz de quem tem um anjinho em sua vida ...

    ResponderExcluir
  5. Eles são especiais... em todos os sentidos!

    ResponderExcluir
  6. Não acho que ser diferente é normal se fosse normal ter uma criança ter sd, a grande maioria da mães não ficariam triste quando descobrem que seu bebe tem sd, e também essas crianças estimulação precoce elas mesmo aprederiam sozinhas com as outras.Não acho que isso seja presente de Deus mais sim uma maldição, não gostamos simplesmente aceitamos mas se pudecemos voltar atrás para não ter engravidado voltaria para não trazer um ser inocente para sofrer aqui na terra com tanto preconceito.
    Ser mãe de criança com sd é moleza tem babá pra cuidar, quero ver ser mãe de sd pobre,sem dinheiro para bancar com as necessidades que uma criança dessas precisa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vou apagar o comentário acima. Isso merece um post a parte. Vou respondê-lo com todo o carinho que precisa.

      Excluir
  7. Não vou apagar o comentário acima. Isso merece um post a parte. Vou respondê-lo com todo o carinho que precisa.

    ResponderExcluir